APODI DESTROI SEUS MONUMENTOS

O ANTIGO MUNICIPIO DE APODI, PIONEIRO NO DESBRAVAMENTO DA REGIÃO OESTE DO ESTADO, TORNOU-SE CAMPEÃO DE UMA ESTRANHA COMPETIÇÃO; A DE DESTRUIR SEUS MONUMENTOS HISTÓRICOS. E A GLORIA DESSA INVEJÁVEL PROEZA, LAMENTAVELMENTE, 
NÃO VEMOS NENHUM MOTIVO QUE JUSTIFIQUE ESSES ATENTADOS AO NOSSO PATRIMÔNIO DE COISAS DO PASSADO; SEJAM DE APODI, SEJAM DE OUTRAS CIDADES. PRINCIPALMENTE EM EM SE TRATANDO DE OBRAS SACRAS. É PRECISO ACABAR, DE UMA SÓ VEZ POR TODAS, COM ESSA MANIA ABSURDA.
PRIMEIRO FOI O ANTIGO CRUZEIRO, DEMOLIDO NA DÉCADA DE 50, COM AUTORIZAÇÃO DO VIGÁRIO. MONUMENTO QUE TINHA SUA HISTÓRIA. A HISTÓRIA  DE UM MILAGRE ALCANÇADO. SEGUNDO A LENDA, EM VIRTUDE DE UMA PROMESSA FEITA, PARA ERGUÊ-LO EM FRENTE Á IGREJA MATRIZ, CASO CESSASSE UMA EPIDEMIA  QUE ATACAVA TERRIVELMENTE A POPULAÇÃO, EM ÉPOCA DISTANTE.
FOI ESSE MOTIVO DA CONSTRUÇÃO DO CRUZEIRO EM APODI,NO SÉCULO PASSADO. TESTEMUNHA DE GERAÇÕES QUE O COMTEMPLARAME ALIREZARAM, BUSCANDO SOCORRO E ALÍVIO PARA OS SEUS SOFRIMENTOS. SÍMBOLO SAGRADO, TRADUZINDO NA GRANDEZA E NA INFINITA BELEZA DO SEU SIGNIFICADO, O PODER MILAGROSO DA FÉ.
DEPOIS, DA DÉCADA DE 60, FOI A VEZ DOS LINDOS ALTARES DA VELHA MATRIZ, TAMBEM DESTRUÍDOS POR ORDEM DE UM PADRE. ERAM VERDADEIRAS OBRAS DE ARTE, ORNAMENTOS DE RARA BELEZA ARQUITETÔNICAS.
AO NOTAR A FALTA DOS ALTARES, UMA MULHER QUE VIERA DE NATAL VISITAR SEUS FAMILIARES, EMOCIONADA, TEVE UMA CRISE DE CHORO. PERGUNTARAM LHE ENTÃO, PORQUE TANTA LÁGRIMA. ELA RESPONDEU: VOCÊ NÃO ESTA VENDO ? MUTILARAM NOSSA IGREJA! VIOLARAM O TEMPLO SAGRADO E DESTRUIRAM O NOSSO PASSADO. AS LÁGRIMAS QUEE CHOREI É MUITO POUCO PARA TAMANHO CRIME. NAQUELE GESTO EMOCIONAL, SEU PREOJETO.
AGORA A VÍTIMA FOI O MARCO DO BICENTENÁRIO DA PARÓQUIA, ASSINALANDO OS 200 ANOS DE VIDA RELIGIOSA, COMPLETADOS NO ANO DE 1966, QUANDO SE COMEMORAVA COM FESTA MONUMENTAL O MAGNIFICO EVENTO.
A GOLPES DE ALAVANCA E PICARETA O MONUMENTO TOMBOU, AOS PEDAÇOS, FERIDO PELA AÇÃO DE UM ATO IMPENSADO. COMO SE EM VEZ DE SIMBOLIZAR UM FATO HISTÓRICO IMPORTANTE, EVOCASSE ALGO DE MALÉFICO.
TAL COMO A MELHER, QUE DERRAMOU LÁGRIMAS PELA DDESTRUIÇÃO DOS ALTARES, UMA ADOLESCENTE CHOROU AO PRESENCIAR A DERRUBADA DO MONUMENTO, FIQUEI ADMIRADO, CONFESSO, AO VER NAQUELA JOVEM TÃO SUBLIME E EMOCIONANTE SENTIMENTO DE PENA, DIANTE DA CENA DESTRUIDORA DAQUELE SÍMBOLO, CONSTRUÍDO COM TANTO CARINHO E ESPÍRITO DE RELIGIOSIDADE PELO POVO CATÓLICO DE APODI.
NÃO ERA AQUELE O MARCO DEFINITIVO DO BICENTENÁRIO DA PARÓQUIA. ESTAVA IMCOMPLETO, INACABADO. NÃO SE TRATAVA DE UMA CONSTRUÇÃO IMPROVISADA, SEM SENTIDO. HAVIA UMA PLANTA, CONCEBIDA SEGUNDO NOSSO PASSADO, O NOSSO COMEÇO AS NOSSAS TRADIÇÕES. ALGUÉM TINHA O DEVER DE CONCLUILO. NÃO DE DERRUBA-LO.
FONTE: APODI NO PASSADO E NO PRESENTE
VÁLTER DE BRITO GUERRA

3 comentários:

valdirleite disse...

Se ainda não há uma lei que proteja o patrimônio histórico de nossa cidade, está na hora da classe política de Apodi agir para que crimes como estes não voltem a acontecer.
Estive em Apodi no último carnaval, verifiquei que muitos casarões já foram destruidos para serem substituidos por construções "modernas", isto se configura como mais um crime contra a história de nossa cidade.

ivo disse...

..hj o apodiense parece esta sendo influenciado pelo o que chamam de "modernidade" e com a falta de um maior esclarecimento etico e cultural nao estao atento as reias belezas que circundam a cidade..é tempo de lembrarmos que sem relacao e demarcações com passado.. culturalmente nao poderemos ter futuro...apodi é tempo de valorizar seu patrimonio historico e cultural!!!

ivo disse...

..hj o apodiense parece esta sendo influenciado pelo o que chamam de "modernidade" e com a falta de um maior esclarecimento etico e cultural nao estao atento as reias belezas que circundam a cidade..é tempo de lembrarmos que sem relacao e demarcacoes com passado culturalmente nao poderemos ter futuro...apodi é tempo de valorizar seu patrimonio historico e cultural!!!

Postar um comentário